Estudos Hidrogeológicos

Os estudos hidrogeológicos servem para caracterizar as águas subterrâneas em qualidade em quantidade; em nível de reconhecimento ou de detalhe; em áreas de escala local ou regional; a depender do objetivo a ser atingido.

Um estudo hidrogeológico deve abordar os arcabouços geológico e geomorfológico utilizando métodos geológicos, geofísicos e hidrogeológicos. Ou seja, deve-se conhecer as camadas dos aquíferos, o relevo e os fluxos de água no aquífero. Para tanto, são utilizados mapas topográficos e geológicos, bem como imagens da área. Os métodos geofísicos são comumente utilizados na determinação local de profundidades e espessuras das camadas e do nível de água do aquífero.

Os métodos hidrogeológicos servem para detalhar o conhecimento do aquífero. Alguns exemplos são:

  • balanço hídrico

  • ensaios hidrodinâmicos

  • caracterização hidrogeoquímica

  • cálculo de recarga de aquífero

  • fluxo e transporte (modelagem) de águas subterrâneas


Diagrama de Piper (Hidrogeoquímica; Classificação das águas)

REFERÊNCIAS:

PIPER A.M. 1944. A graphic procedure in the geochemical interpretation of water-analyses. Am. Geophys. Union Trans. 25: 914-923.

CUSTODIO, E., LLAMAS, M.R. Hidrologia subterránea. Barcelona: Ediciones Omega S.A., 1976. vol 2. 1157p

FOSTER, S. S. D.; HIRATA. R. C. A.; GOMES, D. C.; D’ELIA, M.; PARIS, M. Proteção da qualidade da água subterrânea: um guia para empresas de abastecimento de água, órgãos municipais e agências ambientais. Banco Mundial / Servmar. São Paulo, 2006.

DIAGRAMMES: Logiciel d'hydrochimie. Laboratoire d'Hydrogéologie d'Avignon. Auteur : Roland SIMLER - Autres applications. Disponível em http://www.lha.univ-avignon.fr/LHA-Logiciels.htm


Biotita Hidrogeologia e Meio Ambiente Ltda
Rua Paulo Orozimbo, 1100 - 41 - Aclimação
CEP 01535-001 - São Paulo - SP/Brasil
Tel:(11)2639-4054 (11)97300-2002